Minas On-line
Ir para o menu| Ir para Conteúdo| Acessibilidade Alternar Contraste | Maior Constraste| Menor Contraste

Secretaria de Estado de Turismo de Minas Gerais - SETUR

natureza.jpg Dúvidas Frequentes Links Mapa do Site Fale Conosco Ajuda Secretaria de Turismo do Estado de Minas Gerais

Porque Investir em Minas Gerais

PDFImprimirE-mail

Minas Gerais é um estado único, reúne uma multiplicidade de atrativos dificilmente encontrados em um só destino. São 853 municípios e mais de cinco mil distritos e povoados, repletos riquezas históricas, naturais e culturais, expressa na gastronomia, no artesanato, na hospitalidade e nas festas tradicionais.


Com economia moderna e diversificada, Minas Gerais oferece um amplo leque de vantagens a quem deseja estabelecer empresas, fazer negócios e investir. São atrativos consistentes, baseados nos generosos recursos naturais encontrados no estado, em sua posição geográfica privilegiada, na disponibilidade de infraestrutura e de mão de obra qualificada.


Localizado na região Sudeste do Brasil, o estado tem o terceiro maior Produto Interno Bruto (PIB) entre as 27 unidades da Federação. Em 2010, foi registrado um crescimento real médio de 10,9% do PIB mineiro, em relação a 2009, superando em 3,4 pontos percentuais o resultado nacional de 7,5%. Entre 2002 e 2008, o estado ganhou 1,3% de participação no PIB brasileiro (IBGE –FJP). A economia mineira equivale às economias de países como Israel, Chile e República Tcheca. Entre os 184 países membros do FMI, o estado ocuparia a 46ª posição. Após queda nos anos 90, o estado também vem aumentando de forma consistente sua participação nas exportações brasileiras a partir de 2003, passando de 10,2% para 15,5% em 2010, o que lhe confere a posição de segundo maior estado exportador do Brasil. Ocupa posição central e estratégica no território brasileiro, próxima dos principais mercados do país. Belo Horizonte, a capital, é servida por grandes rodovias federais, que ligam a cidade aos maiores centros urbanos do Brasil, aos principais portos marítimos e também com o Mercado Comum do Sul (Mercosul). Minas Gerais é o maior produtor nacional de minério de ferro, cimento, café e leite, e o segundo maior de automóveis e produtos têxteis. Destaca-se ainda uma série de outros setores, como mineração, siderurgia, eletroeletrônica, alimentos, calçados e vestuário. Abriga o maior polo de empresas de biotecnologia do país, o segundo polo automotivo, o segundo polo de fundição e o segundo maior rebanho bovino. 

 
O turismo mineiro também conquistou lugar de destaque nos cenários nacional e internacional. Os mais atrativos produtos turísticos do Estado estão sendo ofertados e comercializados pelas principais agências e operadores de turismo nacionais e também nos mercados internacionais prioritários, que são os mais representativos emissores de turistas para o Brasil. Dados do Ministério do Turismo mostram que a chegada de turistas estrangeiros a Minas Gerais cresceu 179% em apenas dois anos, passando de 20.115 ingressos, em 2008, para 56.230, em 2010 (o crescimento nacional foi de apenas 2% no período). A maior parte dos turistas estrangeiros são provenientes de países como Estados Unidos, Argentina, Portugal, Itália e França. A Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) participou em 2010 com 5,16% dos embarques e desembarques do país, segundo dados da Infraero. E ainda, de acordo com dados do Instituto Estrada Real (IER), a oferta de meios de hospedagem do Estado de MG corresponde a 10% da oferta nacional, sendo responsável pela geração de cerca de 27 mil empregos diretos. Isso significa um aumento, desde 2003, de cerca de 26% do número de empregos diretos. Os agentes de receptivos mineiros, que ofertam nossos produtos para o público final, estão capacitados e trabalhando com vistas ao fortalecimento do mercado mineiro de turismo. A malha aérea regional de Minas Gerais está robusta e alcança todas as pontas desse Estado de dimensões continentais. Ampliamos as divisas mineiras com o mundo e hoje, a capital do Estado – Belo Horizonte - está interligada, diretamente, com Lisboa, na Europa, com Miami, nos Estados Unidos e com a Cidade do Panamá, na América Central.


No que tange ao turismo de negócios, Minas Gerais oferece completa estrutura e a capital, Belo Horizonte, vem se destacando no cenário nacional com a atração de feiras, congressos e reuniões de diversos setores. O Expominas, Centro de Feiras e Exposições, é o mais moderno da América do Sul e já se tornou referência por sediar grandes eventos nacionais e internacionais. São 72 mil m² de espaço que reúnem funcionalidade e tecnologia. Diversas cidades de médio porte do interior do Estado, como Juiz de Fora, Uberaba, Uberlândia, Poços de Caldas e Araxá, também estão preparadas para receber todo tipo de eventos, com a estrutura necessária e a típica hospitalidade dos mineiros.


Já o turismo cultural em Minas Gerais encontra atrativos de peso na história e na tradição do Estado, cuja originalidade está preservada em cidades dos séculos 18 e 19, época do chamado Ciclo do Ouro, no artesanato das diversas regiões e na riquíssima gastronomia. Viajar por Minas Gerais é conhecer uma parte importante da história do Brasil-Colônia, em paisagens muito preservadas e enriquecidas por aspectos peculiares que a cultura mineira conferiu à arquitetura, ao urbanismo e às artes. Em qualquer direção que se siga, é possível descobrir traços de diferentes períodos históricos, conhecer um povo de caráter forte e muito acolhedor e experimentar uma culinária típica das mais ricas do Brasil. Festivais de artes, festas folclóricas e uma arquitetura diversificada e rica complementam o cardápio para o visitante.


Outro potencial de investimento de turismo no Estado é o turismo ecológico. Minas Gerais possui paisagens naturais cinematográficas e quem quiser vivenciar um intenso contato com a natureza em meio aos mais belos cenários do Estado deve começar por um de seus parques estaduais. Banho de cachoeira, travessias de córregos e rios, mirantes e a recompensa da visão de pedaços praticamente intocados da Mata Atlântica ajudam o turista a encontrar preciosos tesouros naturais guardados entre as montanhas. Além disso, Minas Gerais é um Estado pródigo em recursos minerais, entre os quais se destacam numerosas fontes de água mineral dos mais diversos tipos. Essas fontes estão disponíveis em cidades do chamado Circuito das Águas, onde os recursos naturais se transformam em atrativos para o turismo de saúde. Deve-se ainda acrescentar que o entorno dessas cidades é repleto de trilhas, cachoeiras e atrações para o ecoturismo. Nesta mesma direção, o turismo de aventura tem caminhado a passos largos em Minas Gerais. A geografia do Estado, com suas montanhas, rios, matas e cachoeiras, têm mostrado um enorme potencial. Regiões com matas preservadas são geralmente os pontos mais visitados para essa atividade, e o Estado de Minas está cheio de opções para quem prefere a adrenalina da aventura à tranqüilidade do descanso. Um dos locais mais conhecidos é a Serra do Cipó, um exuberante conjunto natural localizado a apenas 100 km de Belo Horizonte, em uma área de proteção ambiental chamada Parque Nacional da Serra do Cipó. Esta área possui cerca de 85 km de perímetro, onde são encontrados tipos dos mais variados de vegetação e relevo.


Pra concluir, torna-se relevante considerar que o turismo é uma atividade importante para o desenvolvimento econômico do Estado, cujos investimentos estão sendo constantemente ampliados. Segundo dados da EMBRATUR, o Estado de Minas Gerais recebe 10% do fluxo de turismo doméstico e 6% do turismo internacional, quando comparado a outros estados do Brasil. Minas Gerais é o 2º estado do Brasil com maior número de municípios com potencial turístico, além de possuir 4 municípios indutores, estando atrás apenas do Estado de São Paulo.


Além de todas essas vantagens oferecidas por nosso Estado, o governo oferece todo o suporte necessário aos empreendedores e planeja de maneira institucionalizada o seu desenvolvimento econômico e social. O modelo de gestão pública desenvolvido por Minas Gerais é referência no país, principalmente pela segurança no cumprimento dos contratos. Minas Gerais fez uma opção, especialmente nos últimos oito anos, pelo compromisso com o desenvolvimento, ancorado no binômio ajuste fiscal e melhorias inovadoras na gestão pública. Enfatizou o planejamento, a visão estratégica e a seletividade para promover mudanças na sociedade e no governo. Aprendeu, contudo, que a tarefa de preparar o Estado para uma posição de destaque no enfrentamento dos desafios do desenvolvimento em um novo ambiente econômico é obra de vários e, para além dos Governos.

SETUR|
Rodovia Papa João Paulo II, 4.001  – Prédio Gerais,11º Andar - Bairro Serra Verde,CEP: 31.630-901 - BH, MG -
Telefones de contato
Todos os direitos reservados - Aspectos legais e responsabilidades